Buscar

A cura pela palavra

A psicoterapia deixa de ser tabu numa sociedade cada vez mais ansiosa. Resgatar o prazer e suportar com mais leveza o sofrimento, é o que querem boa parte dos brasileiros que procuram o atendimento profissional para lidar com problemas

emocionais. Somos, afinal, o país mais ansioso do mundo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde: 9,3% da população( 18,6 milhões) é ansiosa. Também somos o quinto no mundo que mais sofre com depressão, transtorno que atinge 5,8% dos brasileiros (cerca de 11,5 milhões de pessoas).


Junção das noções de psico(mente) e terapia (cura), a psicoterapia é a principal aliada cientificamente reconhecida para tratar de problemas de origem emocional. Prática de consultório exclusiva de profissionais com formação em Psicologia ou em Medicina, com residência ou especialização em Psiquiatria, pode ser melhor compreendida como a cura pela palavra.


Psicoterapia é o método de tratamento que busca investigar os problemas que têm início no aspecto emocional, e se presta a todas as pessoas que têm o desejo de se escutarem, de resolverem os seus conflitos de natureza psíquica.


Quando alguém busca a psicoterapia, é com o motivo de remover, de modificar algum sintoma que cause angústia ou sofrimento na sua vida. Também há a função importante de retardar ou diminuir o aparecimento de outros sintomas psíquicos. Neste processo de escuta, em que o paciente dispõe de um tempo que é só dele,para ser ouvido sem julgamentos, ele normalmente vai melhorar suas relações e também vai conseguir se desenvolver melhor em termos de personalidade.


O principal ganho que o paciente tem com a terapia é o de refletir sobre o seu modo de pensar e de agir, interpretando de outro modo as situações que se apresentam; como aprender a valorizar mais a própria trajetória e a deixar as coisas externas afetarem menos. Os problemas existem mas são encarados de frente sem máscaras.


A busca pelo psicólogo, infelizmente, ainda é mais acessível a quem tem mais renda, e às vezes não chega a muitas pessoas que também precisam de um acompanhamento e de aprender a olhar para si próprias. É interessante ver o quanto a mentalidade está mudando. Hoje temos grupos de profissionais que atendem a preços acessíveis e até gratuitos através de postos de saúde.


Mas longe de ser um atendimento que atenda a grande demanda dos pacientes que necessitam da psicoterapia.


Rúbia Mara de Assis - Psicóloga

Clínica Social Santo Antônio Vila Belém